Ir para o conteúdo principal
Artigos

Pesquisa de Tendências de Benefícios 2021

Resultados Brasil

Future of Work|Health and Benefits|Retirement|Wellbeing
N/A

Dezembro 20, 2021

As empresas reformulam a estratégia de benefícios com foco no bem-estar e na experiência do empregado.

À medida que as empresas planejam um futuro pós-pandemia, elas têm grandes aspirações no que diz respeito à estratégia de benefícios. Quase três quartos das empresas no Brasil (78%) planejam diferenciar suas ofertas de benefícios e personalizar a experiência para atender às necessidades específicas dos empregados nos próximos dois anos. Isso representa uma mudança significativa, já que apenas 23% têm essa estratégia em vigor hoje.

O impacto da pandemia na saúde e no bem-estar dos empregados - em particular, problemas como estresse, burnout e saúde mental - está levando as empresas a reformularem sua estratégia de benefícios. Fatores externos também estão influenciando a estratégia de benefícios no Brasil. Os principais deles são a retração dos mercados de trabalho, o foco na inclusão e diversidade e o trabalho à distância.

Abordar muitos desses fatores exigirá que os empregadores melhorem a experiência dos empregados com os benefícios, ou seja, a forma como eles se comprometem com seus benefícios, bem como compreender e usar toda a série de programas. Isso ajuda a explicar porque 79% das empresas indicam que a experiência do empregado é uma prioridade fundamental nos próximos dois anos.

Setenta e seis por cento relatam que integrar o bem-estar ao pacote de benefícios é seu principal objetivo estratégico. Metade das organizações (50%) pretende melhorar a comunicação dos seus benefícios com os empregados.

Além disso, 48% das empresas no Brasil também planejam aumentar a flexibilidade e a escolha de seus benefícios, o que é essencial para atender às necessidades e preferências de uma força de trabalho diversificada e multigeracional.

Para apoiar essas iniciativas de personalização, cerca de três quartos das empresas no Brasil (79%) planejam ter uma estratégia digital aprimorada em seus programas de benefícios nos próximos dois anos. Uma estratégia digital aprimorada também pode servir como diferencial na competição por talentos em mercados de trabalho retraídos.

Cientes de ter que atingir esses objetivos dentro de certas restrições, 36% das empresas planejam otimizar o gerenciamento de custos e riscos, e quase metade (47%) pretende melhorar a retenção dos empregados.

Os empregadores definiram metas elevadas em seus esforços para alcançar uma estratégia de benefícios diferenciada e personalizada. Nossa pesquisa de Tendências de Benefícios, realizada em maio e junho de 2021, identificou os fatores que influenciam suas escolhas, bem como as tendências de portfólio, financiamento, administração e análise de benefícios. Os resultados revelam as prioridades e ações que podem ajudar a tornar realidade os desejos das empresas.


Destaques e tendências


  1. 01

    Estratégia de benefícios

    Uma série de fatores internos e externos estão levando as empresas a reformular sua estratégia de benefícios, direcionando o foco na experiência do empregado.


  2. 02

    Portfólio de benefícios

    Mais empresas estão se concentrando na integração do bem-estar ao portfólio de benefícios. Além disso, pretendem aumentar os benefícios mais amplos, incluindo as opções de escolha e flexibilidade.


  3. 03

    Experiência do empregado

    As empresas reconhecem que há uma oportunidade considerável para melhorias no que diz respeito à experiência dos empregados com os benefícios, principalmente na comunicação e no uso de ferramentas com tecnologia digital.


  4. 04

    Financiamento de benefícios

    As empresas estão focadas em garantir que seus pacotes de benefícios entreguem um bom custo-benefício. Além disso, o controle de custos continua sendo um ponto de atenção.


  5. 05

    Administração e operações

    Os empregadores estão priorizando a eficiência interna. Como resultado, estão planejando ou considerando avaliar o desempenho das operações de benefícios internos, bem como fornecedores e consultores.


  6. 06

    Análise, insights e relatórios

    Para garantir que estão oferecendo benefícios relevantes, as organizações estão planejando aumentar suas capacidades analíticas, especialmente as atividades de escuta, incluindo pesquisas e grupos de foco.


  7. 07

    Próximas etapas para as empresas

    Descubra medidas que podem ajudar os empregadores a reformular sua estratégia de benefícios para atrair e reter os talentos necessários, com o objetivo de prosperar em um mundo pós-pandemia.


Sobre a pesquisa

Os resultados da pesquisa se baseiam nas respostas de um total de 287 empresas, representando 1 milhão de empregados no Brasil, que participaram da pesquisa de Tendências de Benefícios de 2021. A pesquisa foi realizada durante os meses de maio e junho de 2021.

Download
Título Tipo de arquivo Tamanho do arquivo
Pesquisa de Tendências de Benefícios 2021 PDF 1.7 MB

Soluções Relacionadas

Contact Us