Ir para o conteúdo principal
Solução Solution

ESG e Sustentabilidade

A forma como as organizações gerem as questões ambientais, sociais e de governação (ESG) e de sustentabilidade e as incorporam em tudo o que fazem tornou-se uma questão crítica ao nível do conselho de administração e uma oportunidade.

Businesswoman leading informal meeting in modern open plan office

Com mais de metade do S&P 500 a incorporar métricas EGS em planos de incentivos no início de 2021, o ESG tem a atenção de um amplo grupo de partes interessadas. Consequentemente, a abordagem das organizações ao esg deve analisar as necessidades de um vasto leque de interesses.

Tendo em conta a natureza interligada dos inúmeros imperativos ESG, uma estratégia eficaz requer uma visão ampla e abrangente de toda a empresa. A perspetiva e experiência únicas da Willis Towers Watson em pessoas, riscos e capital ajudam as organizações a pensar de forma diferente sobre os seus objetivos ESG e de sustentabilidade – criando uma estratégia abrangente que demonstre propósito, impulsione ação e crie impacto em vários grupos de partes interessadas. E com um corpo significativo de investigação dedicado ao ESG, fornecemos uma compreensão e apreciação abrangentes da complexidade em torno dos desafios desta temática, bem como uma ampla gama de experiências práticas e soluções.

Pessoas, risco e capital são as ligações essenciais que unem todas as dimensões do ESG e da sustentabilidade. As pessoas, por exemplo, estão no centro do clima e da resiliência, do bem-estar, da diversidade, igualdade e inclusão (DEI) e da sustentabilidade. Quem consegue envolver os seus colaboradores no avanço da sua DEI e dos seus objetivos climáticos, ao mesmo tempo que apoia o bem-estar e a resiliência dos colaboradores, é mais bem-sucedido do que as empresas que não o fazem. A gestão de risco regista e mede a forma como o ESG percorre as operações de uma organização, bem como os seus potenciais custos de ação e inação. E o capital não abrange apenas o investimento sustentável, mas também o investimento em programas – quer para apoiar colaboradores e comunidades quer para mitigar riscos.

O ESG é o meio através do qual ajudamos as organizações a alcançar o seu objetivo e sucesso sustentável.”

Carl Hess | Presidente e futuro CEO

Uma organização que cumpre os compromissos ESG começa por compreender como as pessoas, o risco e o capital afetam cada um dos seus grupos de partes interessadas. Por exemplo, sabe que os seus colaboradores irão olhar para eles não só para apoiar e investir no seu bem-estar e Recompensas Totais – salário justo, acordos de trabalho flexíveis, programas de saúde e benefícios, para citar apenas alguns –, mas também para demonstrar um compromisso organizacional para com os princípios fundamentais do ESG: proteger o ambiente, melhorar o impacto social e a diversidade e inclusão, investir de forma responsável e garantir uma governação corporativa eficaz.

As organizações na vanguarda do ESG apreciam que os seus investidores, que reconhecem a importância de atrair talentos de topo, apoiem aqueles com processos, talentos e tecnologia para gerir negócios eficientes em termos de capital, bem como com foco em problemas sociais e ambientais. Estas organizações também veem a necessidade de gerir os riscos de curto prazo associados às alterações climáticas – clima mais severo, aumento dos riscos na cadeia de fornecimento devido a catástrofes naturais mais frequentes e intensas, bem como as suas pegadas de carbono e, em algumas indústrias, a sustentabilidade a longo prazo dos seus modelos de negócios.

Embora as exposições ambientais e climáticas sejam tipicamente os primeiros riscos de que se lembram em termos de ESG, a gestão de riscos também se estende às categorias sociais e de governação. Essencialmente, a gestão de riscos eficaz – e o seu impacto nas pessoas e no capital – também faz parte da boa gestão ESG. Da mesma forma, o investimento sustentável transcende as categorias ESG, ao mesmo tempo que incorpora dimensões de pessoas, risco e capital.

Sem uma abordagem multifacetada e integrada no ESG, as organizações provavelmente não cumprirão os seus compromissos e enfrentarão consequências em várias frentes: valor para os acionistas, capacidade de atrair e reter talentos de topo e outras perda.

A perspetiva da Willis Towers Watson combina três amplos prismas

O próprio compromisso da Willis Towers Watsons em relação ao ESG começa com o nosso objetivo – clareza e confiança hoje para um futuro sustentável – e os nossos valores: foco no cliente, trabalho em equipa, respeito, excelência e integridade. Através da adesão a esses princípios, garantimos que vivemos o ESG ao nível da empresa e podemos aconselhar sobre problemas de desta temática com autoridade e confiança. Compreendemos como os desafios e oportunidades ESG podem ser vastos, complexos e dinâmicos e oferecemos uma vasta gama de serviços para abordar as várias vertentes da sustentabilidade, cada uma incorporando os prismas das pessoas, risco e capital. Ajudamos também as empresas a expandir o seu compromisso para com o ESG para além das suas próprias organizações, englobando a visibilidade das políticas relacionadas com o ESG de fornecedores e parceiros e apoiando e influenciando os seus esforços para a mudança positiva.

Quer esteja a desenvolver uma estratégia holística ao nível da empresa, a executar programas táticos relacionados com ESG, ou a ajudar a unir os objetivos de sustentabilidade aos esforços diários, ajudamos os clientes a abordar o ESG como uma necessidade fundamental nas várias estratégias de pessoas, riscos e capital das suas organizações, com serviços e soluções complementares que promovem a excelência operacional e a sustentabilidade organizacional a longo prazo.

5 principais áreas de foco

A Willis Towers Watson ajuda as organizações a enfrentar uma série de desafios ESG através de cinco áreas de foco principais distintas, embora ligadas. Desde a formação da administração até à estratégia, implementação e comunicação, oferecemos competências e soluções que tiram partido da amplitude da Willis Towers Watson para dar resposta às necessidades únicas dos clientes.

As alterações climáticas e a transição para uma economia zero representam novos desafios para todas as organizações e governos. A nossa equipa global e multidisciplinar de especialistas pode ajudá-lo a agir agora para gerir os riscos climáticos atuais e desenvolver uma resposta estratégica a longo prazo.

A gestão de risco está no centro da governação empresarial, uma vez que é fundamental para criar uma organização sustentável e resiliente. A Willis Towers Watson adota uma abordagem holística do portfolio à gestão de riscos, utilizando dados e análises para incorporar a quantificação, tecnologia e conhecimentos especializados nas nossas soluções.

O investimento sustentável (IS) descreve estratégias a longo prazo, orientadas por finanças, que integram fatores ambientais, sociais e de governação (ESG), administração eficaz e impacto real nos acordos de investimento. Isto implica uma boa gestão de riscos e apoia uma indústria de investimentos robusta.

A Willis Towers Watson ajuda as organizações a criar culturas empresariais saudáveis, onde a diversidade, a igualdade e a inclusão estão presentes na experiência de talento e os colaboradores dão o seu melhor no trabalho, colaborando para aumentar o envolvimento e o bem-estar geral dos colaboradores.

Poucas ações realizadas no âmbito do aspeto ambiental do ESG podem ser alcançadas sem envolvimento humano. O sucesso sustentado requer a consideração do fator social dos objetivos ambientais e de governação (e vice-versa). As organizações precisam de colaboradores física e emocionalmente saudáveis, financeiramente seguros e socialmente ligados para cumprirem os seus compromissos ESG.

Contact Us